Pare e Pense

Pare e Pense

Pare e Pense

Pare e pense em todas nossas ações no dia-a-dia de nossas vidas. O portal OpenBrasil.org, chama a todos para uma reflexão.

Você já parou para pensar que tudo nas nossas vidas esta conectado, que as escolhas que fazemos hoje, moldam todo nosso futuro, ou ainda, que elas podem exercer influências na sociedade, já que todo indivíduo também está inserido em um contexto social?

Como uma pessoa quer uma vida longa e saudável se hoje leva uma vida estressante e sedentária, ou como o individuo ingere bebida alcoólica e sai dirigindo dando inicio a uma verdadeira roleta russa assassina e/ou suicida achando que nada irá acontecer com ele. Para estes casos e outros milhões, o uso do poderoso BOM-SENSO é a melhor saída sempre.

De acordo com Aristóteles, filósofo grego 384 a.C – 322 a.C: o bom-senso “tem por princípio ser o elemento central da conduta ética humana, uma capacidade virtuosa de se achar o meio termo e distinguir a ação correta para uma determinada circunstância.”.

Partindo desse conceito, pode-se entender o bom senso-como: “a capacidade média que uma pessoa possui ou deveria possuir, de adequar regras e costumes a determinadas realidades, e assim poder fazer bons julgamentos e escolhas”.

Como o bom-senso influi a nossa vida?, pare e pense:
Têm-se duas pontes, uma está balançando muito e a outra está firme e segura, o teu bom-senso te levará a escolher a segura, claro! Independente da distância que terá para percorrer até chegar ao seu destino. Este é o bom-senso consciente.

A campanha “Pare e Pense” é uma iniciativa do portal OpenBrasil.org, fundamentando-se nos dez pilares que integram a nossa visão para uma vida justa e feliz, incluindo um bônus especial. Mas, é claro que o bom-senso se aplica em milhares de situações diferentes do nosso cotidiano, pois, como o nosso saudoso Tim Maia cantava: “o bom-senso é a imunização racional.”

Lembre-se, antes de tomar qualquer atitude "Pare e Pense".

Pare e Pense - OpenBrasil.org

Bullying

O bullying é um dos principais problemas enfrentados pelos jovens no século XXI, este inimigo invisível pode estar presente em todos os lugares, independentemente da nossa vontade, pois a tendência à intolerância e à violência é generalizada, podendo atingir qualquer um de nós, não escolhendo cor, religião ou classe social.

De modo geral, bullying é o comportamento agressivo de um ou mais estudantes contra outro(s). O termo se origina de bully, que significa “valentão” em inglês. Esse tipo de violência ocorre principalmente nas escolas, tanto no ensino fundamental, quanto no médio, mas não tem se limitado ao âmbito escolar, também já chegou à internet, de onde derivou a expressão cyberbullying.

PARE E PENSE: Ponha-se no lugar de quem sofre com o bullying ou com o cyberbullying e compreenda como isso pode ser degradante, humilhante e/ou constrangedor, e como ações mal-intencionados podem ter inúmeras consequências no presente e/ou no futuro do indivíduo que sofre essa violência.

Acesse
BULLYING
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Doe Vida

Coração, pulmões, rins, pâncreas, fígado, intestino delgado, córneas, pele, ossos e cartilagens. Somando todos esses órgãos, um único doador pode ajudar até 14 pessoas. Hoje no Brasil, a fila de espera por um órgão ou tecido tem mais de 60 mil pessoas, que podem aguardar até seis anos para chegar sua vez. A situação é delicada para os dois lados. Tanto para quem espera receber um órgão quanto para quem perdeu um familiar e é abordado pela equipe de captação de órgãos.

Qualquer pessoa pode ser doador de órgãos e tecidos, independentemente da idade. Há restrição apenas para quem teve alguns tipos câncer, pois a doença pode se desenvolver no receptor. “Todos somos potenciais doadores. Quem sofreu um infarto não pode doar o coração, mas os outros órgãos sim. O importante é ter a vontade de colaborar e manifestá-la em vida”.

É preciso olhar sob o ponto de vista do paciente em fila de espera. Tente sentir a angustia de um dia após o outro, aguardando o telefone tocar com a possibilidade de um doador.

Conviva com a deficiência de um órgão frágil, do qual depende sua vida, definhando enquanto se espera.

Adicione a isso o sofrimento da família, diante da incapacidade de oferecer ajuda capaz de cessar com o sofrimento do ente. Conseguiu imaginar?

PARE E PENSE: A partir dessa perspectiva, as pessoas atentem para a importância da doação de órgãos, um simples gesto de avisar aos seus familiares sobre sua vontade em ser doador de órgãos e tecidos, pode mudar a vida de outras pessoas para sempre.

Acesse
DOE VIDA
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Drogas? Não!

Nos dias de hoje, o adolescente recebe um bombardeio de informações através dos meios de comunicação, que o deixam inteirado de tudo o que se passa ao seu redor.

Ao se falar em droga, certamente vamos despertar sua curiosidade, que deve ser utilizada para a formação de conceitos sadios e exatos sobre as drogas e as desvantagens de seu uso.
Pais e professores, devem, através de orientação segura e sem nenhum alarme, criar a condição necessária para que o adolescente se torne refratário aos assédios de maus amigos e traficantes.
É na adolescência, ou pré-adolescência, que se deve dar maior destaque a um programa de caráter educativo preventivo.
Devemos observar que os traficantes sabedores que nesta fase consegue-se o viciado certo de amanhã. Nos dias de hoje, estão levando para o mundo das drogas meninos e meninas a partir de 9 anos, portanto, o quanto antes iniciarmos nossa conscientização, não estaremos cometendo exagero algum.

Muitos são os fatores que podem conduzir uma pessoa ao caminho das drogas, entre os quais se destacam:

A escassez de informações corretas sobre os efeitos nocivos das drogas ou sua ação no organismo. Busca de sensação, de euforia e de novas experiências, motivada principalmente pela curiosidade.

Os jovens são o grupo mais próximo das drogas, talvez para aliviar sentimentos tão comuns nessa fase, como: descontentamento, fuga e negação da realidade. Buscam novas experiências constantemente e se aventuram num mundo que na maioria das vezes não tem volta.

Paralelo ao aumento da violência que assola, principalmente, os grandes centros urbanos, o tráfico de entorpecentes movimenta bilhões e bilhões de dólares pelo mundo anualmente, um comércio considerado um dos mais lucrativos e, com certeza, um dos mais perigosos e violentos, que motivou uma espécie de "indústria do terror".

PARE E PENSE: Quando uma pessoa compra drogas ela está ao mesmo tempo movimentado uma cadeia de ações destrutivas, como a violência, por exemplo. É como dizer que este indivíduo está apontando uma arma para a sociedade e, consequentemente, para sua própria cabeça.

Acesse
DROGAS? NÃO!
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Educação

A Educação é um direito fundamental que ajuda não só no desenvolvimento de um país, mas também de cada indivíduo. Sua importância vai além do aumento da renda individual ou das chances de se obter um emprego. "Perguntar a importância da Educação é como perguntar qual a importância do ar para nós.

Diferentes estudos demonstram que a chave para a construção de um país desenvolvido é a educação.

O pós-guerra é um claro exemplo disso, algumas nações como Alemanha e Japão ficaram completamente arrasados depois da 2º guerra mundial, mas, os investimentos maciços em educação de qualidade reergueram esses países, impulsionando seu crescimento em diversas vertentes, devolvendo assim, a dignidade aos seus cidadãos.

A falta de educação ou a má qualidade dela têm reflexos de igual proporção nos níveis de insegurança, além de gerar exclusão social, alienação e outras tantas consequências negativas diretas e indiretas. Pois, a educação vai muito além dos bancos da escola, ela é um norte para a nossa vida em sociedade.

PARE E PENSE: Querer uma educação de qualidade só, não basta! É preciso cobrar e fiscalizar as ações dos governos voltadas à educação, além de se engajar em programas que visem o fortalecimento da educação e da difusão da noção de cidadania. A educação é um direito e um dever de todos, lute por ela para uma vida melhor!.

Os impactos da Educação são extensos e profundos. Veja o que mais uma Educação de qualidade faz pelo indivíduo e pelo país:
  • Combate a pobreza
  • Faz a economia crescer
  • Promove a Saúde
  • Diminui a violência
  • Garante o acesso a outros direitos
  • Ajuda a proteger o meio ambiente
  • Aumenta a felicidade
  • Fortalece a democracia e a cidadania
  • Ajuda a compreender o mundo
  • Cresce o empreendedorismo

Acesse
EDUCAÇÃO
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Meio Ambiente

Primeiro, é preciso entender que meio ambiente possui um conceito abrangente e envolve aspectos políticos, sociais e econômicos, pois se relaciona com a forma de produção de riqueza e consequente desigualdade social, além de contemplar questões culturais, estéticas, biológicas, científicas e tecnológicas.

Visto desta forma, percebemos que meio ambiente abarca uma gama de aspectos que dão sentido a vida na terra. Sendo assim, podemos pensar que o ato de desmatar, por exemplo, pode ter efeitos que vão desde a destruição da biodiversidade (a extinção de espécies vegetais e animais endêmicas), empobrecimento do solo, êxodo rural, pobreza e até ocasionar mudanças climáticas, enfim, violar a harmonia do meio ambiente é, ao mesmo tempo, transformar o planeta num lugar mais hostil a presença humana.

O mais interessante, é notar que diferente de outras mudanças, os impactos ambientais afetam a todos, são "democratizados", sem distinção de cunho econômico, social ou cultural: atingem indistintamente homens e mulheres, ricos e pobres, operários e patrões, negros e brancos, desenvolvidos e subdesenvolvidos, capitalistas e socialistas, liberais e conservadores. Não há mais refúgio seguro. Todos finalmente passam a ter plena consciência do óbvio: a Terra é finita e a tecnologia não pode resolver todos os problemas.

Pense nisso:
"Se as árvores dessem sinal WiFi, muita gente iria plantar e cuidar delas; Mas como só dão oxigênio, pouca gente se importa com isso."

PARE E PENSE: Será que seremos conhecidos pelas gerações futuras como a “geração ‘não reciclável’”? Enquanto ponderar sobre as nossas atitudes as práticas não sustentáveis, sem atentar para os problemas subsequentes, estaremos lançando para a eternidade as amargas consequências do nosso egoísmo. Pense que o homem não é o único ser com direito a esse planeta!.

Acesse
MEIO AMBIENTE
Pare e Pense - OpenBrasil.org

ORG. Social

As Organizações Não Governamentais (ONGs) são entidades do Terceiro Setor, ou seja, são da sociedade civil e de caráter privado, cuja função é desenvolver trabalhos sem fins lucrativos. A área de atuação das ONGs é bem diversificada: social, saúde, ambiental, grupos de proteção à mulher, tratamentos de dependentes químicos, etc.

Muitas delas surgiram para suprir a ausência do Estado em alguns serviços. Os projetos desenvolvidos pelas ONGs são financiados pelas próprias organizações por meio de doação dos sócios, além de algumas receberem apoio de instituições públicas e privadas.

O fortalecimento do Terceiro Setor demonstra um aumento do comprometimento da sociedade para com a cidadania, formando um ser humano consciente de suas responsabilidades como cidadão global, promovendo trabalhos de interesse público.
  • Possuem uma função social e política em sua comunidade ou sociedade;
  • Possuem uma estrutura formal e legal;
  • Estão relacionadas e ligadas à sociedade ou comunidade através de atos de solidariedade;
  • Não perseguem lucros financeiros (sem fins lucrativos);
  • Possuem considerável autonomia.
PARE E PENSE: Em outras palavras, as ONGs são "grupos de pressão que buscam por um lado influenciar e democratizar políticas públicas governamentais para que essas supram da maneira mais extensa possível às necessidades da sociedade e de condições de vida iguais e justas no mundo todo e, por outro lado, movimentar a sociedade em que estão inseridas, utilizando-se de suas relações de solidariedade, na busca dessa democratização e influência política".

Seja um voluntário, faça a diferença, faça sua parte. O voluntário é um cidadão, digamos assim, com mestrado. Mestrado em generosidade. É um Ph.D em humanidades. O voluntário tem atitude, compreensão e muita responsabilidade com a sua missão. A sua causa é resolver ou no mínimo tentar ajudar a solucionar um problema, a alcançar determinada meta. É ver, basicamente, a outra pessoa feliz. Assim, e só assim, ele se sente realizado.

O voluntário pode ser jovem ou idoso mas já deve ter entendido através de exemplos vistos no comportamento familiar, na escola ou no local de trabalho, como é decisivo e fundamental para a sua comunidade o trabalho que realiza.

Nos Estados Unidos, é formidável a dedicação e contribuição dos voluntários americanos – quase 75% da população tem alguma atividade voluntária – para o desenvolvimento do país. Nós no Brasil ainda não entendemos muito bem o que é ser voluntário. Confundimos com solidariedade ou com filantropia. O verdadeiro voluntário tem orgulho da sua tarefa e muita atenção no seu dia a dia como voluntário.

Benefícios em ajudar alguém
  • É fácil encontrar quem precisa de ajuda: As ONGs (Organizações não-governamentais) atuam em várias áreas e têm demanda constante dos mais diversos profissionais. Não é difícil encontrar uma com um perfil que lhe interesse e que esteja fisicamente próxima de você.
  • Você é quem define o tempo de dedicação: Assim fica fácil conciliar com seus estudos. Mas atenção: é preciso ser responsável e manter o compromisso assumido com a entidade.
  • É um bom momento para treinar o que você aprende: Escolher uma atividade ligada à sua área é a melhor opção.
  • Atuação mais abrangente do que num estágio convencional: Na maioria das vezes, as estruturas são pequenas, nas quais quem trabalha realiza um pouco de tudo. A ampla visão de todos os aspectos da atuação profissional é extremamente positiva.
  • Possibilidade de desenvolver projetos e colocar idéias em prática: Em uma entidade, é muito mais simples colocar em prática novas idéias. Grandes empresas possuem processos decisórios mais longos e nem sempre estão abertas a inovações experimentais.
  • Sentir que seu trabalho ajuda quem precisa: A intensidade varia de pessoa para pessoa, mas é fácil imaginar a satisfação de ver que seu trabalho está mudando, diretamente, a realidade de pessoas que precisam.
  • Trabalho voluntário é uma via de mão dupla: Voluntariado é experiência espontânea, alegre, prazerosa, gratificante. O voluntário doa energia, tempo e talento mas ganha muitas coisas em troca: contato humano, convivência com pessoas diferentes, oportunidade de viver outras situações, aprender coisas novas, satisfação de se sentir útil.
  • Voluntariado é uma relação humana, rica e solidária: Trabalho voluntário não é uma atividade fria, racional e impessoal. É contato humano, oportunidade para se fazer novos amigos, intercâmbio e aprendizado.
  • No voluntariado, todos ganham: A ação voluntária visa a ajudar pessoas em dificuldade, resolver problemas sociais, melhorar a qualidade de vida da comunidade. Seu sentido é eminentemente positivo: ao mobilizar energias, recursos e competências em prol de ações de interesse coletivo, o voluntariado reforça a solidariedade social e contribui para a construção de uma sociedade mais justa e humana.
  • Voluntariado é ação: O voluntário é um pessoa criativa, decidida, solidária. No trabalho voluntário, não há cartórios nem monopólios. Não há hierarquia de prioridades.

Acesse
ORG. SOCIAL
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Paz no Trânsito

Todos os dias nós nos deparamos com notícias trágicas ligadas ao trânsito. Famílias perdem a vida em acidentes que poderiam ser evitados facilmente, isso é algo realmente preocupante já que nosso trânsito mata mais que muitas guerras pelo mundo.

Acidentes no trânsito são a terceira causa de morte no mundo, ficando atrás apenas das doenças cardíacas e câncer. Com base nas estatísticas, a Organização Mundial da Saúde.
Qualquer acidente acontece em decorrência desses fatores:
IMPRUDÊNCIA, IMPERÍCIA e NEGLIGÊNCIA
Imprudência – É o desrespeito às leis de trânsito, como a ultrapassagem em local proibido, a transposição em sinal vermelho, o não uso do sinto de segurança e outras diversas atitudes sabidamente perigosas;

Imperícia – É a falta de habilidade e conhecimento para operar em determinados veículos ou tipos de estradas e condições do trânsito;

Negligência – É o descaso perante um problema conhecido, como um defeito do carro que acaba comprometendo o seu bom funcionamento.

Os ortopedistas brasileiros ficam na “linha de frente” dos prontos-socorros em todo o Brasil e atendem milhares de vítimas de acidentes de trânsito que, apesar do tratamento, morrem ou apresentam sequelas permanentes. Eles vivenciam diariamente o sofrimento de familiares e amigos. Por isso, eles advertem:

1 - Se beber não dirija e não pegue carona com quem bebeu.
2 - Todos podem ser vítimas de um motorista alcoolizado: crianças, pedestres, motociclistas e motoristas.
3 - Use, sempre, cinto de segurança, mesmo no banco traseiro. O uso do cinto reduz o risco de lesões severas ou mortes.
4 - O uso de cadeirinhas infantis pode reduzir 70% dos óbitos em crianças e 80% em bebês.
5 - Utilizar o telefone celular ao dirigir distrai o motorista e aumenta em quatro vezes o risco de colisão ou atropelamento.
6 - Cada redução de 5km/h na velocidade média representa diminuição de 30% nos traumas fatais.

Morrem 1,3 milhão de pessoas por trauma de trânsito a cada ano, constituindo a primeira causa de mortes no mundo em jovens de 15 a 29 anos.

A previsão, caso nada seja feito, é que em 2030 os traumas de trânsito se transformem na primeira causa de morte no mundo, com 2,4 milhões de óbitos por ano.

PARE E PENSE: Ao longo da história os transportes surgiram como instrumentos facilitadores para a vida cotidiana, no entanto, é preciso ter responsabilidade, respeitando as normas e regras de trânsito, para não transformar essa excelente criação em uma arma.

Acesse
PAZ NO TRÂNSITO
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Preconceito Não

É inadmissível todo e qualquer tipo de preconceito, seja ele fruto da ignorância ou do medo. O preconceito fomenta a discriminação, o desrespeito, a agressão, retira do outro o reconhecimento pessoal e o direito dele de ser quem é, ou o que deseja ser.

Há diversos tipos de preconceitos, quais sejam: de raça, nacionalidade, idade, credo, sexo, orientação sexual, classe social, condição física ou mental e outros mais.

Preconceito é um "juízo" preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude "discriminação discriminatória" perante pessoas, lugares ou tradições considerados diferentes ou "estranhos". Costuma indicar desconhecimento pejorativo de alguém, ou de um grupo social, ao que lhe é diferente.

PARE E PENSE: Qualquer um pode ser vítima de preconceito. Olhe pra você agora, com certeza encontrará algo, seja na sua aparência ou na sua personalidade, que te envergonha ou que te diferencia de outras pessoas, então, sempre vale aquela máxima: “não faça com os outros, o que não desejas para ti.”.

Da maneira como algumas pessoas tratam o problema, o preconceito parece o menor deles, o que não é verdade. O preconceito desde o começo dos tempos causa fome, miséria, ódio, raiva, politicagem, egoísmo e inveja. – Pare e pense, o preconceito de um país com outro, de uma raça com outra ou de uma religião com outra começa de um preconceito de um indivíduo com outro e que se transforma num nesses grandiosos problemas que acabam muitas vezes dizimando toda uma geração de seres humanos.

É uma palavra que parece comum, mas é muito pesada e causa grandes conseqüências, se verificarmos a história da humanidade, constataremos o quando foram danosas as ações preconceituosas de muitos sistemas e pessoas hipócritas que escondiam e disfarçavam tais atitudes que foram responsáveis por inúmeros genocídios. Existem, também, aqueles que escancaradamente agem de forma preconceituosa sem, sequer, dá satisfação à sociedade dos seus atos grotescos de descriminação, segregação e desprezo.
Eu tenho um sonho: que um dia o negro seja visto, não pela tonalidade de sua pele, mas pelo seu caráter e personalidade.
Martin Luther King
O preconceito, produto da ignorância, o deixou por muito tempo à margem da própria vida e do progresso humano e profissional.

Como podemos constatar, a ignorância constrói o preconceito que destrói todos os meios de crescimento humano, transformando o homem num ser irracional, perigoso e comprometedor de sua própria existência.

Preconceito é crime, sabia?
De acordo com a Lei N° 9.459: “Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional” e ainda “Praticar, induzir, ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”. A pena é de um a três anos de reclusão e multa. Ou seja, preconceito é crime!
Acesse
PRECONCEITO NÃO
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Saúde

Os cuidados com a saúde incluem não apenas a correta vacinação e a visita frequente aos médicos, mas, principalmente, a prevenção de doenças, através de uma boa qualidade de vida.

Como boa qualidade de vida, entende-se a manutenção de hábitos de higiene, uma boa alimentação, dormir bem, observar a pressão arterial, evitar o estresse e o excesso de peso.

Além dos hábitos e do estilo de vida é preciso inserir a questão da saúde num contexto social, levando em consideração as condições de vida e de trabalho da população, sabe-se que no Brasil, grande parcela da população não tem a chance de ter uma vida digna e provida de condições favoráveis.

Garanta mais disposição e saúde com alertas de médicos e nutricionista:
1 - Evite refrigerantes e atenção aos sucos prontos. O consumo de refrigerantes normais está relacionado a diabetes e obesidade, enquanto o de não adoçados (como light, diet e zero) causa piora do funcionamento dos rins. Já a frutose proveniente das frutas e que adoça os sucos prontos, quando consumida em excesso pode provocar aumento da pressão arterial.

2 - Distribua melhor as refeições ao longo do dia. Tente se alimentar a cada três horas para evitar redução do metabolismo e sobrecarga em determinadas refeições (principalmente à noite). Além disso, evite que o corpo entre na chamada "reserva de energia", que é quando o organismo entende que, pelo jejum prolongado, precisa armazenar calorias, dificultando a perda de peso.

3 - Aumente o consumo de líquido ao longo do dia, preferencialmente água. A ingestão contínua de líquidos mantém o metabolismo em constante movimento, assim como a atividade das células corporais e o funcionamento do intestino. Não espere a sede. Se ela chegar, é sinal de que o corpo já está desidratado.

4 - Prefira alimentos integrais em substituição aos carboidratos refinados. Os integrais levam mais tempo para serem digeridos, promovendo maior tempo de saciedade e melhor funcionamento do intestino.

5 - Não consuma alimentos muito calóricos no jantar, isso pode prejudicar o sono. Além disso, como o metabolismo fica mais lento à noite, o gasto de calorias nesse período será menor, podendo gerar ganho de peso.

6 - Pratique atividades físicas, elas são fundamentais para promover condicionamento, aumentar a longevidade e diminuir o estresse. Para quem tem mais de 35 anos, exercícios físicos ajudam a manter a massa muscular. A prática é importante porque parte do metabolismo depende da massa muscular.

7 - Só consuma medicamentos sob orientação médica. Sem o acompanhamento profissional, as pessoas tendem a tomar medicação em excesso ou a deixar de tomar medicamentos que realmente precisam.

8 - Durma bem. Para um sono mais tranquilo, evite: refeições pesadas à noite, cafeína depois das 17 horas e exercícios físicos extenuantes no período noturno.

9 - Tenha um hobbie ou faça atividades de que goste bastante, saindo da rotina. É uma ótima maneira de escapar do círculo de pensamentos preocupantes e de manter a motivação.

10 - Procure informação e ajuda para parar de fumar ou de consumir álcool em excesso. O cigarro é fator de risco para inúmeras doenças e sobrecarrega muito o aparelho pulmonar e o sistema circulatório. Já o álcool, além de trazer problemas comportamentais, é bastante nocivo ao fígado e ao pâncreas, que são fundamentais para o nosso metabolismo.

PARE E PENSE: Se por um lado, a saúde é um direito e um dever de cada pessoa, num contexto mais amplo, em função das questões supramencionadas, também passa a ser uma responsabilidade da sociedade.

Acesse
SAÚDE
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Vote consciente

Sofremos, no Brasil, com altos índices de corrupção. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), estima-se que, aproximadamente, R$ 200 bilhões são desviados no Brasil, por ano. Esse valor permitiria multiplicar por três os investimentos federais em educação ou em saúde, ou, ainda, multiplicar por cinco tudo o que se investe em segurança pública em todo o país. Seria possível, também, resgatar da miséria os dez milhões de brasileiros que não conseguem comprar os alimentos necessários para sobreviver.

Votar consciente é não fazer do voto uma mercadoria, é ter a convicção de que fez a escolha certa, embasado num plano de governo sensato, coerente e com os pés no chão.

Votar consciente é saber que seu título não tem validade apenas no período eleitoral, mas tem a validade da sua cidadania e do seu espírito cívico.

Votar consciente é fazer valer a Constituição em toda sua plenitude, não subjugando-a e não lançando-a no calabouço da injustiça.

PARE E PENSE: A conquista ao direito de VOTAR foi um grande passo dado pela democracia brasileira, por isso, o direito ao VOTO deve ser mantido e preservado sempre. Hoje em dia, não se discute mais o direito ao voto, e sim, a questão da obrigatoriedade ou não do ato de votar. As pessoas estão tão desiludidas e indignadas com os políticos que as representam, que não querem mais votar, infelizmente essa é a nossa realidade.

Na verdade o voto que deveria ser uma poderosa arma contra os políticos que ai estão, não passa de uma grande mercadoria bastante valiosa em época de eleição. E o grande culpado é a maioria do povo que ainda não aprendeu a votar, que continuam votando nas mesmas pessoas e que por isso as verdadeiras mudanças não acontecem.

Não adianta reclamar, criticar, protestar, sair pelas ruas em passeatas, promover quebra-quebras, saquear comércios, etc, etc, etc ... E quando chega as eleições as pessoas continuam a acreditar na conversa bonita dos políticos, e no momento do voto na urna eletrônica, a maioria dos eleitores geralmente votam nos mesmos candidatos permitindo a reeleição da grande maioria dos políticos atuais.

Não venda seu voto. Ele vale muito.

Quem não se interessa pela política está virando as costas para mudar tudo o que acha errado.

Acesse
VOTE CONSCIENTE
Pare e Pense - OpenBrasil.org

Bônus especial: Respeito

Respeito é oriundo da palavra latina respectus e significa ação ou efeito de respeitar, apreço, consideração. A palavra em questão também representa “olhar outra vez”, algo que merece um segundo olhar.

É um dos valores mais necessários e tem grande importância na interação social. O respeito é uma atitude que favorece que as relações interpessoais sejam adequadas e satisfatórias.

Além disso, o respeito é a atitude necessária para conviver sem conflitos, aceitando as diferenças entre as pessoas.

PARE E PENSE: "Respeito ao próximo, isso faz toda diferença."

A palavra é RESPEITO,
Respeite a cor,
Respeite a raça,
Respeite a etnia,
Respeite o credo religioso,
Respeite a orientação sexual,
Respeite a ideologia política,
Respeite as leis,
Respeite os idosos,
Respeite as mulheres,
Respeite as crianças,
Respeite os animais,
Respeite o meio ambiente,
Respeite a vida,
Respeite todos, para ser respeitado.
Respeito é o caminho, caminho é o respeito.

Acesse
RESPEITO
Pare e Pense - OpenBrasil.org